Eleição da Diretoria: nomeada nova Comissão Eleitoral

O Presidente da Academia Cearense da Língua Portuguesa, Sebastião Valdemir Mourão, assinou Ato nomeando nova Comissão eleitoral para conduzir os trabalhos de escolha da Diretoria para o biênio 2018/2020. A Assembleia Geral em que se dará o pleito está marcada para o próximo dia 28 de fevereiro. Segue-se a transcrição do documento:

Ato nº 001/2018

O Presidente da Academia Cearense da Língua Portuguesa (ACLP), no uso de suas atribuições estatutárias (Art. 21, § e),

RESOLVE:

  1. Dissolver a Comissão Eleitoral instituída através do Edital nº 01/2018;
  2. Nomear, para conduzir o processo de escolha da nova Diretoria da ACLP, a ser eleita e empossada no próximo dia 28/02/2018, os acadêmicos: João Soares Lobo, Raimundo Evaristo Nascimento dos Santos e Maria Gorete Oliveira de Sousa, cabendo ao primeiro a presidência da Comissão.

Fortaleza, 20 de fevereiro de 2018.

Sebastião Valdemir Mourão

Presidente da ACLP

Abertas inscrições para preenchimento de duas cadeiras na ACLP

A Academia Cearense da Língua Portuguesa dá a público o seguinte Edital:

EDITAL 01/2018

ABERTURA DE INSCRIÇÕES DE CANDIDATOS PARA PREENCHIMENTO DE DUAS VAGAS NA ACLP

A ACADEMIA CEARENSE DA LÍNGUA PORTUGUESA (ACLP), representada pelo presidente Sebastião Valdemir Mourão e atendendo ao disposto em seu Estatuto, abre inscrições para preenchimento das cadeiras 22 e 27, conforme regulamentação a seguir: 1) – Para ser eleito associado efetivo, deverá o candidato a) ser residente e domiciliado no Estado do Ceará; b) ter boa conduta; c) concordar com o Estatuto e com os princípios nele definidos, mediante declaração de que o leu no Site da Academia Cearense da Língua Portuguesa: www.aclp.com.br; d) haver publicado trabalho de natureza gramatical, filológica ou linguística sobre a Língua Portuguesa ou apresentar produção científica e literária que prime não só pelo ponto de vista da expressão linguística portuguesa, mas também pelo valor científico e criatividade literária, de méritos a serem arbitrados e mensurados por comissão mista instituída pela Academia para esse fim. 2) – A proposta para a admissão de associado será apresentada por 3 (três) associados efetivos e entregue no ato da inscrição. 3) – À proposta serão anexados os trabalhos do candidato e seu curriculum vitae. 4) – A proposta terá entrada na Secretaria da ACLP em Fortaleza, no Palácio da Luz, nº 1, Centro, até 15 de março de 2018, das 9 às 16 horas. 5) – O candidato proposto apresentará o comprovante bancário de pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 250,00 (duzentos e cinquenta reais), no Banco do Brasil, agência 3296-4, poupança, com variação 51, conta 300.000-1, em nome da tesoureira Giselda de Medeiros Albuquerque, podendo o pagamento ser feito, também, no ato da inscrição. 6) – Deverá o postulante preencher uma ficha, no ato da inscrição, e assinar declaração de que se compromete a frequentar anualmente no mínimo 50% (cinquenta por cento) das reuniões ordinárias mensais e solenes, salvo em caso de justificativas por razões de saúde, aprovadas em ata, e a manter as mensalidades em dia, nunca ficando inadimplente por mais de seis mensalidades, sob pena de perda da condição de acadêmico da ACLP, conforme normas estatutárias.

Fortaleza, 15 de fevereiro de 2018.

Sebastião Valdemir Mourão

Presidente da ACLP

SEGUE-SE O LINK DA FICHA DE INSCRIÇÃO:

ACLP Ficha de inscrição

ACLP: nova Diretoria será eleita e empossada no próximo dia 28

Valdemir Mourão encerra profícua gestão de dois biênios administrativos na presidência da ACLP.

A Academia Cearense da Língua Portuguesa (ACLP) elege, no próximo dia 28, a Diretoria que conduzirá a entidade até fevereiro de 2020. De acordo com o Edital 01/2018, lançado, no último dia 8 de janeiro, pelo Presidente Sebastião Valdemir Mourão, termina nesta segunda-feira, 19, o prazo para inscrição de chapas.

A escolha dos novos dirigentes será feita em Assembleia Geral a ter lugar, a partir das 15 horas, na sede da Academia Cearense de Letras (Rua do Rosário, nº 1, em Fortaleza). Logo após a votação e contagem dos sufrágios, a Diretoria eleita tomará posse.

Conforme disposição regimental, o voto pode ser emitido pessoalmente ou por escrito, enviado em envelope lacrado, via correio ou por terceiro, desde que seja mantido o sigilo, constando nele a identificação do associado votante ausente. Só terá direito a votar e ser votado o acadêmico do quadro efetivo que estiver em dia com a Tesouraria até o mês anterior ao da eleição e com frequência mínima de 50% (cinquenta por cento) nas sessões dos 12 (doze) meses anteriores.

Até o momento, foi registrada apenas uma chapa (“Todos pela ACLP”), assim constituída:

  • Presidente de Honra – Cid Saboia de Carvalho
  • Presidente – Sebastião Teoberto Mourão Landim
  • 1º Vice-Presidente – Sebastião Valdemir Mourão
  • 2º Vice-Presidente – Antônio Vicente de Alencar
  • 1º Secretário – Ana Vládia Mourão de Oliveira
  • 2º Secretário – Marcelo Braga
  • 1º Tesoureiro – José Myrson Melo Lima
  • 2º Tesoureiro – Francisco Felipe Filho
  • Diretor de Publicação e Marketing – Italo Gurgel
  • Membros do Conselho Fiscal – José Ferreira de Moura, Ana Paula de Medeiros Ribeiro e Vicente Júnior
  • Membros da Comissão Interinstitucional – Révia Lima Herculano, Francisco Tarcísio Cavalcante e João Vianney Mesquita

ACLP convoca eleição para escolha de nova Diretoria

ACADEMIA CEARENSE DA LÍNGUA PORTUGUESA (ACLP) 

 EDITAL 01/2018

CONVOCA ASSEMBLEIA GERAL PARA ELEIÇÃO DE NOVA DIRETORIA E ABRE ESCRIÇÃO DE CHAPAS 

A ACADEMIA CEARENSE DA LÍNGUA PORTUGUESA (ACLP), representada por seu Presidente, Sebastião Valdemir Mourão, e em consonância com o que estabelecem o Estatuto (Art. 19) e o Regimento (Artigos 55, 56 e respectivos parágrafos) da entidade, convoca para o próximo dia 28 de fevereiro de 2018, às 15h, na sede da Academia Cearense de Letras (ACL), na Rua do Rosário, nº 1, Centro, Fortaleza/CE, Assembleia Geral para eleição da nova Diretoria, gestão 2018/2020. A inscrição de chapas será feita no período de 29 de janeiro a 19 de fevereiro de 2018, na Secretaria da ACL.

Conforme disposição regimental, o voto pode ser sufragado pessoalmente ou por escrito, enviado em envelope lacrado, via correio ou por terceiro, desde que seja mantido o sigilo, constando nele a identificação do associado votante ausente, porém em dia com a tesouraria da ACLP.

Só terá direito a candidatar-se a cargo da Diretoria da ACLP o associado efetivo que estiver em dia com a Tesouraria até o mês anterior ao da eleição e com frequência mínima de 50% (cinquenta por cento) nas sessões dos 12 (doze) meses anteriores.

Para conduzir o processo eleitoral, fica constituída Comissão formada pelos acadêmicos Italo Gurgel, José Ferreira de Moura e Vládia Mourão, sob a presidência do primeiro.

Fortaleza, 8 de janeiro de 2018.

Sebastião Valdemir Mourão

Presidente da ACLP

Uma confraternização natalina para ficar guardada na memória

O ambiente de descontração marcou todo o encontro.
O Prof. Manoel Crisóstomo do Vale (Cadeira 31), ao lado de Vicente Alencar, exercitou sua habilidade na gaita de boca.

A Academia Cearense da Língua Portuguesa realizou, no último dia 13 de dezembro, a mais concorrida confraternização natalina de sua história. Com um grande comparecimento de acadêmicos, suas esposas e maridos, o encontro teve como cenário o Café Couture (Rua dos Tabajaras, 554, Praia de Iracema). Iniciada com a costumeira mensagem de Natal do confrade Horácio Dídimo, a programação prosseguiu com o sorteio de prêmios oferecidos pelos próprios acadêmicos.

No capítulo solene da confraternização, o Presidente da ACLP, Sebastião Valdemir Mourão, fez entrega da medalha “Acadêmicos – 40 anos”, destinada aos atuais membros da Academia, e que celebra o 40º aniversário da entidade. Seguiram-se números musicais, a cargo do Prof. Manoel Crisóstomo, apresentando-se com sua gaita de boca, e o Prof. João Soares Lobo comandando um coro de canções natalinas. Houve, ainda, inspirada mensagem do Prof. Genuíno Sales, peja de otimismo e bom humor. A noite foi coroada pelo momento gastronômico: um delicioso jantar servido pelo Café Couture. Do cerimonial, encarregou-se, com a competência de sempre, o acadêmico Vicente Alencar.

Nas fotos que se seguem, identificam-se os acadêmicos durante a festa, em sua maioria, no momento em que recebiam a medalha dos 40 anos da ACLP das mãos das esposas ou maridos, de familiares ou colegas.

Sebastião Valdemir Mourão (Cadeira 19) e o filho Paulino.
Teoberto Landim (Cadeira 38) e esposa.
Maria Elias Soares e Maria Margarete Fernandes (Cadeira 13).
Francisco Felipe Filho (Cadeira 2) e esposa.
José Augusto Bezerra (Cadeira 9) e Vicente Alencar (Cadeira 11).
Maria Elias Soares e José Batista de Lima (Cadeira 36).
Marcelo Braga (Cadeira 18) e esposa.
Ana Vládia e Hermínia Lima (Cadeira 4).
Ana Paula Ribeiro (Cadeira 12) e Giselda Medeiros (Cadeira 16) – mãe e filha.
João Soares Lobo (Cadeira 25) e esposa.
Maria Elias Soares (Cadeira 15) e esposo.
José Ferreira de Moura (Cadeira 20) e a esposa, Lúcia.
Sebastião Valdemir Mourão, Paulo Sérgio Lobão (Cadeira 39) e esposa.
Raimundo Evaristo dos Santos (Cadeira 40).
Sebastião Valdemir Mourão e Regina Barros Leal (Cadeira 24).
Tarcísio Cavalcante (Cadeira 35) e esposa.                                                                                                   

Myrson Lima (Cadeira 14) e esposa.

Italo Gurgel (Cadeira 17) e a esposa, Tereza.
Ana Vládia Mourão de Oliveira (Cadeira 32) e filha.
Sebastião Valdemir Mourão, Paulo Sérgio Lobão e Maria Gorete Oliveira (Cadeira 1).

Luto na ACLP – Morre o Prof. Carlos d’Alge

Carlos Neves D’Alge

A Academia Cearense da Língua Portuguesa externa seu profundo pesar pela morte do Prof. Carlos Neves d’Alge, ocorrida na noite de quarta-feira, dia 20, em Fortaleza/CE.

Carlos d’Alge nasceu a 24 de julho de 1930, em Chaves, Portugal, mas cedo se transferiu para o Brasil, sendo brasileiro por opção. Em 1958, radicou-se no Ceará. Fez o curso científico no Colégio Cearense do Sagrado Coração, ao mesmo tempo em que cursava Contabilidade na Escola de Comércio Padre Champagnat. Licenciou-se em Letras Neolatinas pela Faculdade Católica de Filosofia e bacharelou-se em Direito pela Universidade Federal do Ceará.

Na UFC, foi Professor Titular de Literatura Portuguesa do Departamento de Literatura (Centro de Humanidades) e atuou em diversas outras instâncias da instituição, como Diretor da Casa de Cultura Portuguesa, Diretor do Centro de Humanidades, Chefe de Gabinete da Reitoria e Pró-Reitor de Extensão. Na Unifor, foi professor e Diretor do Centro de Humanidades. Como professor visitante, ministrou cursos de Literatura Brasileira e Portuguesa na Universidade de Colônia, Alemanha.

Trabalhou, no Rio de Janeiro, no “Correio da Manhã” e, em Fortaleza, em “O Jornal”, “A Fortaleza”, “Ceará Jornal”, “O Povo” e “O Estado”. Foi comentarista político de televisão nos anos 1991/1992 e conduziu no rádio um programa de debates.

Principais obras publicadas: Aspectos da nova Literatura Portuguesa, 1965; Terra do mar grande, 1970; Sintaxe do compromisso (poesias), 1980; Exílio imaginário, 1983; O território da palavra, 1990; O sal da escrita, 1997; A mulher de passagem, 1993; Em busca da utopia, 1995; e Antologia Terra da Luz, Poetas, 1998.

Era membro fundador Academia Cearense da Língua Portuguesa, onde ocupava a Cadeira nº 22, patroneada por José Leite de Vasconcelos. Presidiu a entidade entre 1986 e 1990. Também era membro da Academia Cearense de Letras (Cadeira nº 36).

O corpo do Prof. Carlos d’Alge está sendo velado na Funerária Ternura (Rua Padre Valdevino, 2255 – Fortaleza), onde, às 15:00 será celebrada missa de corpo presente. O sepultamento será, às 16:30h, no Cemitério Parque da Paz.